Painelistas

Alex Cardoso

Representante do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis

 

Ana Paula Medeiros

Graduanda no curso de Administração de Empresas e catadora de resíduos sólidos há 24 anos. Co-fundadora do Centro de Educação Ambiental - CEA, é atual presidenta do Centro de Triagem da Vila Pinto - CTVP e Secretária do Fórum de Catadores de Porto Alegre. 

 

Annelise Monteiro Steigleder

Promotora de Justiça da Promotoria do Meio Ambiente de Porto Alegre, Mestre em Direito e Doutoranda em Planejamento Urbano e Regional pela UFRGS.

 

Antonio Matos

Presidente do Cooperativa de Trabalho Campo da Tica,  Coordenador Geral do Fórum de Catadores e Unidades de Triagem de P.Alegre,  Coordenador da Formação Política do Movimento Negro Unificador  e Coordenador da Coordenadoria de Ações Afirmativas da UFRGS

Prof. Carlos Moraes

Possui graduação e mestrado em Engenharia Metalúrgica pela UFRGS em  1988 e 1991, e doutorado em Materials Science - UMIST  Inglaterra em 1997. Pesquisador  em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora CNPq. Professor Titular I nos cursos de Mestrado e Doutorado em Engenharia Civil com área de Concentração em Gerenciamento de Resíduos, e no mestrado de Engenharia Mecânica em Energia, UNISINOS. Decano da Escola Politécnica no período de 2012 a 2017. Coordenador do curso de graduação em Engenharia Ambiental no período de  2010 – 2016. Tem experiência em caracterização de materiais, Gestão Ambiental, produção mais limpa, avaliação de ciclo de vida, economia circular, Reciclagem de Resíduos, desenvolvimento de coprodutos e materiais sustentáveis. Formou 40 mestres e 3 doutoras. Possui 295 artigos em periódicos e eventos científicos. Possui 9 patentes, das quais  3 depositadas, e 6 concedidas, e 6 desenhos  industriais concedidos.

Prof. Dr. Christian Luiz da Silva

Coordenador adjunto da área de Planejamento Urbano e Regional e Demografia da CAPES e Coordenador da Área de Ciências Sociais Aplicadas da Fundação Araucária. Professor Associado da UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). Professor permanente do mestrado e doutorado do Programa de Pós-graduação de Tecnologia e Sociedade (PPGTE), do Programa de Pós-graduação em Planejamento e e Governança Pública (mestrado profissional) e do mestrado e doutorado do Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento Regional (PPGDR). Membro do Observatório da Política Nacional de Resíduos Sólidos. Graduado em economia, mestre e doutor em engenharia de produção e pós-doutor em administração pela USP. Ganhador do Prêmio Paraná de Economia em 1999, 2002, 2005, 2007 e 2009 e 2010. Escolhido pelos economista como Economista do Ano (2010) na categoria acadêmica, por sua trajetória e atuação na área. Presidente do Conselho Regional de Economia - 6a. Região/ Paraná em 2005. Foi coordenador Adjunto dos Programas Profissionais de pós-graduação da Capes na área de Planejamento Urbano e Regional e Demografia da CAPES (2013-2018). Líder do grupo de pesquisa em Políticas Públicas e Dinâmica de Desenvolvimento Territorial (PD2T) da UTFPR. Possui 12 livros publicados sobre o tema. Pesquisador do CNPq e da Fundação Araucária.  

Cristina Simone

É Phd, Professora Associada de Gestão na Sapienza University of Rome, onde ensina ‘Gestão’ e ‘Gestão de Marketing Internacional’. Suas principais áreas de pesquisa são gestão, sustentabilidade, inovação, gestão do conhecimento e desenho organizacional, gestão do patrimônio cultural. Em particular, nos últimos anos tem contribuído significativamente para a transferência de princípios, quadros cognitivos, metodologias e ferramentas da ciência gerencial para o campo do monitoramento ambiental com o objetivo de fomentar a ciência da sustentabilidade na perspectiva da complexidade.
Ela é autora de muitas publicações científicas internacionais e nacionais e é a principal investigadora de vários projetos financiados pela Sapienza University. Em setembro de 2019 ela se juntou como líder de equipe do WP 6 - Mecanismos governamentais e financeiros para sustentabilidade e expansão de longo prazo - o projeto UPPER (parques produtivos urbanos para o desenvolvimento de tecnologias e serviços relacionados a NBS (soluções baseadas na natureza)), UIA, Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.
Ela é codiretora da série de livros “Management Organization and Technology” (ManOTec) (Ed. Nuova Cultura, Roma) e editora associada do International Journal of Environment and Health; ela é árbitra de muitas revistas internacionais e avaliadora do registro de especialistas científicos independentes para a avaliação científica da pesquisa italiana do Ministero dell’Università e della Ricerca (REPRISE).
Ela é membro convidada do Grupo de Pesquisa de Práticas e Processos Organizacionais (OPPRG), Escola de Negócios e Gestão, Queen Mary University of London (UK).
Em abril de 2018 obteve a qualificação científica nacional (Abilitazione Scientifica Nazionale, ASN) como professora titular de Gestão Empresarial.
Ela é membro das seguintes associações científicas: AIDEA (Accademia Italiana di Economia Aziendale), Academy of Management, EGOS (Grupo Europeu de Estudos Organizacionais) e ASVSA (Associação de Pesquisa em Sistemas Viáveis).

Profa. Dra. Cristine Santos

 

Doutora em Ensino em Ciências e Matemática com ênfase em Educação para o desenvolvimento Sustentável (ULBRA - PPGECIM). Pesquisadora colaboradora do Núcleo EDEVO-DARWIN (USP) e do Observa Science in Society (Itália) . Mestra em Engenharia Civil com ênfase em Gerenciamento de Resíduos (UNISINOS - PPGEC). Bacharel em Ciências Biológicas com ênfase em meio ambiente e biodiversidade (UNILASALLE). Professora dos cursos de graduação e pós graduação da ULBRA/Canoasl. Foi servidora pública do quadro da Secretaria do Meio Ambiente da Prefeitura de Porto Alegre por 4 anos (2010-2013), onde atuou junto as equipes da Supervisão de Meio Ambiente e do Licenciamento Ambiental.

 

Dr. Daniel Martini

Promotor de Justiça no Estado do Rio Grande Do Sul.
Coordenador do Centro de Apoio Operacional de Defesa do Meio Ambiente.
Doutor em direito ambiental pela Scuola Dottorale Internazionale Tullio Ascarelli/ Università Degli Studi Roma Tre, em Roma, Itália (2008/2013).
Professor titular das disciplinas de Direito Ambiental e Tutela Coletiva na Faculdade do Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul – FMP. Professor de Direito Ambiental nos cursos de pós-graduação da UFRGS, FMP, VERBO JURÍDICO, dentre outros. Membro colaborador do Conselho Nacional do Ministério Público – Comissão Temática de Meio Ambiente. Membro-Diretor da Associação Brasileira de Ministério Público de Meio Ambiente – ABRAMPA.

 

Feliciane Andrade Brehm

Bacharel e Licenciada em Química pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Mestre e doutora em Engenharia de Minas, Metalúrgica e de Materiais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Atualmente é professor adjunto, professor do programa de pós graduação em engenharia civil e auditor interno do sistema de gestão ambiental da Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Tem experiência na área de Engenharia de Materiais e Metalúrgica, com ênfase em caracterização, valorização e reciclagem de resíduos sólidos, atuando principalmente nos seguintes temas: reciclagem, resíduos sólidos, caracterização de materiais, ferramentas de gestão ambiental e construção civil.

 

Fernanda Romero

Cientista Ambiental e Mestre em Ciências (2019), ambos pela Universidade Federal de São Paulo. Desde 2016, atua como analista ambiental do departamento técnico da Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (ABRELPE), assessorando nas publicações técnicas, treinamentos e projetos de cooperação internacional para a gestão de resíduos sólidos.

 

Francisco Luiz Biazini Filho

Doutor em Ciências pela USP - Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares com o Título: RESPONSABILIDADE SOCIAL DA ENERGIA NUCLEAR PARA GERAÇÃO ELÉTRICA NO BRASIL (2014). Presidente da TRANSFORMA - COOPERATIVA DE TRABALHO EM SISTEMAS TECNOLÓGICOS INOVADORES E SUSTENTÁVEIS. Sócio e diretor técnico da REDERESÍDUOS. Vice Presidente do Instituto Dínamo de Desenvolvimento Sustentável. Vice Presidente do Sindicato das Cooperativas de Produção do Estado de São Paulo. Conselheiro do Fórum de Desenvolvimento da Zona Leste, da Associação Brasileira dos Profissionais de Sustentabilidade e do Instituto Venturi para estudos ambientais. Membro do Observatório Nacional da Política Nacional de Resíduos Sólidos. Tem experiência nas áreas de: resíduos sólidos, desenvolvimento sustentável, responsabilidade social, lixo zero, reciclagem, revalorização de resíduos e descontaminação de recursos hídricos.

Francisco José Pereira de Oliveira

Engenheiro civil graduado pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (1977) e mestre em Mecânica dos Solos e Fundações pela mesma escola. Atualmente, é engenheiro consultor para projetos sanitários e ambientais, principalmente na área de aterros sanitários e tratamento de áreas contaminadas e limpeza urbana. Como Diretor Técnico da FRAL CONSULTORIA LTDA., desenvolve vários trabalhos por todo o país, como os projetos de sistema de limpeza urbana, planos de gestão de resíduos, tratamento e destinação final de resíduos (Aterro São João/SP, Aterro de Osasco/SP, Aterro de São José dos Campos/SP, Aterro de Cuiabá/MT, Aterro de Araçatuba/SP, Aterro de Anápolis/GO, Aterro de Gramacho/RJ, etc), monitoramento geotécnico e ambiental de aterros sanitários. Executou Due Diligence para a Novo Gramacho no Aterro Metropolitano de Gramacho/RJ, para a Serquip no Aterro de Resíduos Industriais de Rio Negrinhos/SC e Aterro Sanitário de Cachoeira Paulista/SP), encerramento e monitoramento de aterros de resíduos perigosos (SOLVAY INDUPA), estudos geotécnicos para exploração de biogás (Aterro São João/SP e Aterro Metropolitano de Gramacho/RJ).

 

Henrique Mendes

Bioquímico pela Universidade Federal de Juiz de Fora/ MG. Mestre em Gestão da Sustentabilidade e MBA em Gestão Ambiental.
Gerente do departamento de Sustentabilidade da ABINEE (Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica), onde atua em temas relacionados a Logística Reversa; Produção & Consumo Sustentáveis; Economia Circular e Acompanhamento de Leis relacionadas a questões ambientais.
Participou ativamente da criação da GREEN Eletron - Entidade Gestora para Logística Reversa de Eletroeletrônicos e, atualmente, trabalha auxiliando no planejamento estratégico e operacional da Gestora, além do estabelecimento de parcerias com empresas e entidades interessadas.

John Wurdig

Técnico em meio ambiente, engenheiro ambiental, pós graduado em políticas públicas ambientais, pós graduação em saneamento ambiental, pós graduação em educação profissional e nível superior, mestre em planejamento urbano e ambiental UFRGS, atuação profissional há mais de vinte anos na área da sustentabilidade ambientais, mais de 10 premiações na área ambiental, atuação como servidor público municipal de Barra do Ribeiro, prefeitura de Canoas, engenheiro de meio ambiente da General Motors, professor universitário da Ulbra, Senac e UniRitter, mais de 35 artigos publicados, experiência internacional em gestão de resíduos sólidos, participação na Conferência Mundial do Clima da ONU em 2019 em Madri, membro da Startup Green Thinking Project, perito ambiental da Justiça do RS, consultor ambiental de organizações internacionais e auditor ambiental.

Joice Pinho Maciel

Doutoranda em Engenharia Civil, Gerenciamento de Resíduos Sólidos/UNISINOS. Mestre em Ciências Sociais pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos-UNISINOS, especialista em gestão ambiental e social, graduada em Gestão Ambiental. É auditora líder ISO 14001 pela BSI Management Systems, auditora pelo Instituto Lixo Zero Brasil Zero Waste International Alliance (ZWIA), movimento internacional de organizações que desenvolvem o conceito e princípios Lixo Zero no Mundo. Possui experiência em gerenciamento integrado de resíduos sólidos, coleta seletiva municipal e gestão cooperativa para unidades de reciclagem. Entre os principais projetos realizados estão: acompanhamento técnico social de unidades de triagem e reciclagem em Manaus, Porto Alegre e Região do Vale dos Sinos/RS, certificação ambiental do Centro de Análise, Pesquisa e Inovação Tecnológica - FUCAPI e Aços da Amazônia; Projeto Vínculo de Negócios Sustentáveis realizado através do Instituto Ethos, Fundação Dom Cabral e UNCTAD para a certificação ambiental ISO 14001 da cadeia de fornecedores da empresa Philips da Amazônia.

 

José Cristovam

CEO - Vertas Gerenciamento de Resíduos tecnológicos, possui Tecnólogo em Eletrônica, formou-se em Administração de Empresas e realizou MBA Marketing pela Fundação Santo André, e MBA Gestão Ambiental pela Fundação Getúlio Vargas.
Tem mais de 30 Anos de experiência no mercado de produtos Eletrônicos, consultor comercial de produtos e serviços, na Vertas desde 2012 desenvolvendo solução sustentáveis, operacionais e de Gestão nos processos de destinação de inservíveis tecnológicos e segurança de dados.

 

Leomyr de Castro Girondi

Diretor-presidente da CRVR – Companhia Riograndense de Valorização de Resíduos. Engenheiro civil formado pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), com especialização em Sistemas de Gestão pela mesma Universidade. Possui mais de 30 anos de atuação nas áreas de gestão, planejamento, operação e comercial. Na CRVR, trabalhou como gestor operacional, gerente comercial e Diretor de Novos Negócios, assumindo, em setembro deste ano, o cargo de Diretor-Presidente.

Lúcia Helena da Silva Maciel Xavier

Bacharelado em Genética pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1997), mestrado (2001) e doutorado (2005) em Engenharia de Produção pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Possui experiência na área de Engenharia de Produção, com ênfase em Engenharia Ambiental, atuando principalmente nos seguintes temas: Gestão ambiental, Desempenho ambiental (ISO 14031), Logistica reversa e Logistica ambiental. Desenvolveu pesquisa em parceria com a Universidade de Oviedo (Espanha) em Logística reversa e ambiental. Bolsista PRODOC/CAPES pelo Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção da UFPB em 2006. Professora Colaboradora no Programa de Pós-graduação em Engenharia Civil na Universidade Federal de Pernambuco. Professora do MBA em Planejamento e Gestão Ambiental da Universidade Católica de Pernambuco. Pos-doutora pela Universidade de São Paulo em Inovação e Sustentabilidade na Gestão de Resíduos Eletroeletrônicos (2011) e Design e Sustentabilidade (2012). Coordenadora do projeto FACEPE/MIT (2013 a 2014) sobre Gestão de Resíduos Eletroeletrônicos na Região Metropolitana do Recife. Pesquisadora do projeto Reciclando Saberes (UFRPE, Fundaj e CNPq). Pesquisadora Titular na Fundação Joaquim Nabuco (2007 a 2017). Autora de dois livros e três e-books sobre gestão de resíduos e logística reversa. Co-autora de três livros nas área de gestão de processos, gestão ambiental de cadeias produtivas e apoio à decisão. Pesquisadora Titular no Centro de Tecnologia Mineral (CETEM/MCTIC).

Dr. Luis F. Diaz

O Dr. Díaz recebeu um Ph.D. em Engenharia (com especialização em Engenharia Ambiental) pela Universidade da Califórnia em Berkeley, EUA. A. e um Ph.D. em Engenharia (h. C.) da Bauhaus University em Weimar, Alemanha, e está envolvido na área de gestão de resíduos há mais de 45 anos. Participou de projetos de destinação final de resíduos e seu tratamento para recuperação de materiais e energia, ajudou na elaboração de estudos de viabilidade e planos diretores nos Estados Unidos e em mais de 45 países. Ele também conduziu avaliações técnicas, econômicas, ambientais e institucionais de sistemas de gerenciamento de resíduos sólidos para várias empresas privadas nos EUA e em outros países, bem como para a Marinha dos EUA, a Agência Agência de Proteção Ambiental, Departamento de Energia dos EUA, NASA e outras agências nos Estados Unidos. O Dr. Díaz também forneceu consultoria especializada em proteção ambiental e no desenvolvimento de fontes de energia não convencionais para várias organizações internacionais, como o Banco Mundial, Banco Asiático de Desenvolvimento, Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional. (US AID), o Peace Corps e diferentes programas e fundos das Nações Unidas (UNIDO, UNICEF, UNEP, OMS, OPAS).

Ao longo de sua carreira, o Dr. Díaz tem procurado manter um equilíbrio entre as atividades acadêmicas, Pesquisa e Desenvolvimento e o trabalho de campo. Como tal, foi Editor Gerente da revista "Waste Management & Research" (publicada pela International Solid Waste Association - ISWA) por oito anos e, em seguida, Editor Gerente da revista "Waste Management", um periódico revisado por pares. e publicado pela Elsevier. É também membro do Conselho Editorial de várias revistas da área de gestão de resíduos. Dr. Díaz tem mais de 400 publicações na área de gestão de resíduos e geração de energia. É também autor e co-autor de diversos livros que tratam do tratamento e disposição final de resíduos sólidos e do tratamento de resíduos orgânicos para valorização energética e produção de corretivos de solo.

 

Luiz Gonzaga Alves Pereira

Engenheiro Civil de formação, atuou como como executivo, por mais de 20 anos, em empresas como a Essencis, a LOGA e a Vega, referências na área de proteção ambiental em resíduos sólidos. Atualmente é Presidente Executivo da Associação Brasileira de Empresas de Tratamento de Resíduos e Efluentes (ABETRE)

 

Mara Ballam

Pós Graduada em Direito Ambiental pela PUC, possui MBA em Sustentabilidade e especialização em Responsabilidade Social Corporativa, ambas pela Fundação Getúlio Vargas. Auditoria líder em Qualidade e Meio Ambiente certificada pela IRCA. Especialista em Six Sigma atuando como Green Belt e Black Belt.
Com 21 anos de experiência em gestão nas áreas de Qualidade, Meio Ambiente, Saúde e Segurança Ocupacional bem como desenvolveu projetos nas áreas de Meio Ambiente e Sustentabilidade na indústria. Atuação significativa em frentes governamentais através das associações do setor eletroeletrônico e eletrodoméstico na área de relações governamentais bem como de Sustentabilidade.
Criou e gerenciou área de Responsabilidade Social Corporativa, especialmente em projetos sociais para Copa do Mundo no Brasil e com diferentes organizações como UNICEF e WWF.
Como gerente executiva da ABREE, conduz a administração da entidade e está à frente das discussões governamentais para a implantação do Sistema de Logística Reversa para eletroeletrônicos no país.

 

Marcelo Oliveira

Presidente da GM&C Logística e Transportes, Administrador de Empresas, Lead Assessor. Possui experiência na área de Gestão de Qualidade, Meio Ambiente e Segurança e Saúde no Trabalho em Empresas como: Ericsson, Nokia, Sony Ericsson.

Marcelo Henrique Conti

Marcelo, Ph.D., é Professor Associado de Gestão Ambiental na Sapienza University of Rome. Seu foco principal de pesquisa é a gestão da complexidade dos ecossistemas e seus aspectos de monitoramento (informações e variedade de requisitos). Seus interesses contínuos giram em torno da pesquisa dos processos de contaminação da linha de base em um nível global. Além disso, Marcelo é atualmente o PI de uma importante bolsa da Sapienza (2018-2021) intitulada: Paisagens emergentes: novos empregos, novas habilidades, novas tecnologias e novos desafios organizacionais na revolução da indústria 4.0. Ele também tem trabalhado extensivamente no campo da gestão de emissões industriais, resiliência, questões normativas e constituição ambiental europeia. Ele é membro do Grupo de Pesquisa de Práticas e Processos Organizacionais (OPPRG), Escola de Negócios e Gestão, Queen Mary University of London (UK). Em 2015 obteve a qualificação de professor titular de Gestão Ambiental. Ele é editor-chefe do International Journal of Environment and Health, membro do conselho e excelente revisor de revistas especializadas de alta qualidade na área. Ele é autor de mais de 200 publicações na área.

Mario Gandini

Engenheiro Sanitário (Universidad del Valle, Colômbia), M.Sc. em Política e Gestão Ambiental (University of Hull, Reino Unido), Doutor em Engenharia Ambiental (University of Padua, Itália).
Acadêmico com mais de 20 anos de experiência no ensino e pesquisa nas áreas de engenharia sanitária e ambiental, com ênfase na gestão integrada de recursos hídricos e gestão integrada de resíduos sólidos. Nos últimos anos, trabalhou na construção de uma Teoria Geral da Sustentabilidade.

 

Raul Lima de Miranda Neto

Catador há 14 anos, ensino fundamental incompleto, é um dos fundadores da Associação de Reciclagem e Preservação Ambiental - ARPA, foi o primeiro presidente da ARPA, atualmente exerce o cargo de Conselho Fiscal e coordena o setor de produção de grãos e produção de saco para lixo 100% recicláveis. Palestrante nas empresas, escolas públicas e órgãos públicos. Responsável pela página no Facebook da Associação ARPA - www.facebook.com/pg/ARPAMANAUS.

Rodrigo Martins Campos de Oliveira

 

Administrador de empresas pela FGV-EAESP, com MBA Executivo Financeiro pelo INSPER-SP (2010) e Mestre em Sustentabilidade pela FGV. Atuou nas áreas de Marketing de bens de consumo, inovação e gestão comercial. Atua principalmente com foco na gestão econômica e investimentos voltada para resíduos sólidos. É sócio presidente da FRAL CONSULTORIA, empresa de engenharia de projetos e planejamento nas áreas de geotecnia, resíduos sólidos e meio ambiente e sócio diretor da empresa de tecnologia TAMPEC SOLUÇÕES.

Simone Poças Pinheiro

Pós Graduada em Saúde do Trabalhador /UFRGS e Mestranda em Ciências Sociais /UNISINOS. Assistente Social atua nas Associações Anjos da Ecologia e Reciclando Pela Vida. Secretária do Fórum de Catadores e Unidades de Triagem de Porto Alegre.

Thiago Oliveira Rodrigues

Pesquisador em Informação para Sustentabilidade no Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia - Ibict - unidade de pesquisa do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação - MCTI. Engenheiro florestal com mestrado e doutorado em Ciências Florestais pela Universidade de Brasília, atua com pesquisa sobre métodos e técnicas para avaliação do desempenho ambiental de produtos e processos, principalmente com Avaliação do Ciclo de Vida. É gestor de qualidade do Banco Nacional de Inventários do Ciclo de Vida de Produtos Brasileiros - SICV Brasil - e editor assistente da Revista Latino-Americana de Avaliação do Ciclo de Vida - LALCA. Tem experiência em projetos de valorização energética de resíduos de biomassa, com foco na região amazônica.

Dr. Uwe H. Schulz


Uwe H. Schulz possui graduação em Biologia – Universidade de Bielefeld (1985; Alemanha), e doutorado em Biologia – Universidade de Bielefeld (1995). Atualmente é professor titular da Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Tem experiência na área de Ecologia, com ênfase em ecologia aquática, atuando principalmente nos seguintes temas: impactos ambientais em corpos hídricos, educação ambiental, migração de peixes, radiotelemetria de peixes e uso de habitat de peixes. Há dois anos ele analisa microplástico na água bruta e água potável do Rio dos Sinos e em tecidos de peixes.

Vitória Ferrari



Professora Adjunta da Faculdade UnB Gama (FGA-UnB), Vice Coordenadora do LACIS (Laboratório do Ambiente Construído Inclusão e Sustentabilidade) da FAU/CDS/FGA-UnB, com dois eixos de pesquisa: Inovação e Sustentabilidade do Ambiente Construído e Gestão Ambiental. Engenheira Florestal pela Universidade Federal de Viçosa (1984), Mestre em Agronomia pela Universidade Estadual de Londrina (1997) e Doutora em Solos e Nutrição de Plantas pela Universidade Federal de Viçosa (2004), experiência em gestão integrada (ambiente, qualidade, saúde e segurança e responsabilidade), revisão de relatórios de auditorias de certificação florestal, treinadora a auditora líder de certificação ambiental, florestal, e cadeia de custódia, docência de ensino superior, educação ambiental e formação de redes colaborativas para o exercício da responsabilidade ambiental e social.