A Escola na Economia Circular

      A primeira edição do workshop A Escola na Economia Circular, que aconteceu no dia 26/10/2022, na Casa das Artes em Bento Gonçalves (RS), teve como objetivo apresentar o "Reciclar é Fazer Mágica" como uma alternativa metodológica para inclusão do tema transversal “economia circular” no planejamento educacional das escolas.

       imagem 1

      Para que este objetivo fosse alcançado, foi demonstrado, por meio de palestras e de instituições que já participam do programa, que o modelo de logística reversa, com geração de créditos de reciclagem, considera a Educação Ambiental no currículo das escolas como principal indutor de sociedades cujas ações sejam ambientalmente corretas, em condições seguras e justas para os seus públicos de interesse, sem deixar de considerar seus necessários ganhos econômicos.

      Participaram desta iniciativa inédita 74 pessoas, dentre elas, representantes do TCE-RS, das Secretarias de Meio Ambiente, da Educação e do Desenvolvimento Econômico, Diretores e Professores de Escolas dos municípios de Bento Gonçalves, Garibaldi e Carlos Barbosa, Empresários, Dirigentes de Instituições que congregam a indústria, o comércio e gestores públicos, além de técnicos das áreas de sustentabilidade, meio ambiente e qualidade. 

       

       

      Na área de exposição da Casa das Artes foi feita uma instalação mostrando o o fluxo do processo de transformação das embalagens PET coletadas pelo programa em novas embalagens para acondicionar diversos produtos. Também, foram disponibilizados coletores para o descarte de garrafas PET. Você pode conhecer mais sobre o Programa Reciclar é Fazer Mágica e o modelo de logística reversa de embalagens PET acessando https://reciclarefazermagica.com.br/

      imagem 2

       

      A abertura contou com a participação da presidente do Instituto Venturi, Arlinda Cézar, da Secretária de Educação de Bento Gonçalves, Adriane Zorzi, que também representou o Prefeito Diogo Siqueira, do Secretário de Meio Ambiente, Osmar Bottega, do Secretário Adjunto do Desenvolvimento Econômico, Delarci Martins, e do Coordenador da 16ª Coordenadoria Regional de Educação, Alexandre Misturini.

       

      imagem 3

       

      A presidente do Instituto Venturi, Arlinda Cézar, falou sobre a importância do evento no cenário atual. “É preciso falar sobre Educação Ambiental para que as próximas gerações cresçam mais preparadas. É por isso que estamos aqui reunidos e estaremos reunidos na CIEducA 2023, para que possamos falar a mesma língua sobre esse assunto e que ele seja tratado com a seriedade que merece!”. A secretária de Educação, Adriane Zorzi, deu as boas-vindas aos participantes e destacou a importância da parceria com o Instituto Venturi na formação dos professores da rede pública municipal em Educação Ambiental, reafirmando o apoio e engajamento das escolas ao programa Reciclar é Fazer Mágica. Da mesma forma, o Secretário de Meio Ambiente, Osmar Bottega, se disse entusiasmado com as oportunidades que o programa está trazendo para a região, declarando apoio ao programa e a CIEducA 2023. O coordenador da 16CRE, Alexandre Misturini, fez coro com as falas anteriores, destacando o trabalho de Educação Ambiental que vem sendo feito nas escolas estaduais da região, que o programa agrega muito e por isso mesmo suas escolas estarão abertas para recebê-lo.

       

       

      Acesse o Resumo das Atividades na íntegra!


      bloco logos FIRS PORT v03 1132